PINHEIRO GROSSO DE CANELA

AMILCAR JOSÉ MIELNICZUK DE MOURA 28/07/2016
Professor Marcelo


Parabéns pela iniciativa!

Quando esteve vistoriando o nosso Parque Municipal do Pinheiro Grosso, esqueci de pedir-lhe os dados levantados da nossa Araucária Gigante, que está em segundo lugar em vosso ranking. Como as medições anteriores já passam de 40 anos, a sua iniciativa vai nos render uma atualização dos dados dendrométricos do Pinheiro Grosso. Quando vieres a Canela pretendemos lhe mostrar um relicto de 120 Araucárias com DAP em torno de 1m ou mais, ao norte do Município, num peráu que acessa o Rio Caí, entre Canela e São Chico, sobreviventes ao recente 'ciclo madeireiro' que suprimiu a mata primária local, composta por Araucárias Gigantes, como afirmam os antigos madeireiros, que explodiam as toras para caberem nos caminhões. Até breve!

Novo comentário

Notícias

21/09/2018 17:01
Expedição coordenada por Ricardo Cardin entra algumas gigantes: Leia em...
18/09/2018 22:44
VISANDO DIVULGAR O CONHECIMENTO SOBRE AS ÁRVORES GIGANTES EM ESPECIAL A PESQUISA DAS ARAUCÁRIAS....
12/08/2018 13:44
Cientistas determinaram a idade do pinheiro de Heldreich, de 1.230 anos, apelidado de Italus,...
12/06/2018 11:23
TRABALHOS: Conservação e biodiversidade A FLORESTA DE ARAUCÁRIA DE CRESCIMENTO ANTIGO? Marcelo...

Etiquetas

A lista de etiquetas está vazia.

Contato

Marcelo Callegari Scipioni Universidade Federal de Santa Catarina
Campus Curitibanos
Rod. Ulysses Gaboardi, s/n km 03

marcelo.scipioni@gmail.com